FMZ A RÁDIO DA FAMÍLIA

Home Notícias Meio Ambiente

Meio Ambiente

15.06.2015


Sistemas Agroflorestais podem ampliar cobertura florestal no Estado

É uma forma combinada de plantio de várias espécies em um mesmo espaço

 

 

 

Uma maneira de ampliar a cobertura florestal no Espírito Santo é por meio dos Sistemas Agroflorestais (SAFs). Trata-se de uma forma combinada de plantio de várias espécies em um mesmo espaço, proporcionando preservação ambiental e geração de renda para o produtor. O Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural (Incaper) incentiva e orienta sobre essa prática.

 

 
Para o pesquisador e engenheiro agrônomo César Pereira Teixeira, os SAFs proporcionam diversos benefícios para os produtores. “É um atrativo para o produtor, pois é possível proteger o meio ambiente com renda. Além de diversificar a produção, os trabalhadores rurais comentam que têm um ambiente mais confortável para trabalhar e envolver toda a família na atividade rural”, disse César.

 
Entre as principais espécies que podem ser utilizadas nos Sistemas Agroflorestais destacam-se a seringueira, o café, cacau, banana, açaí e cupuaçu. “A seringueira, por exemplo, além de proporcionar sombra a diversas espécies, possui boa utilização comercial por meio da extração do látex”, explicou César.

 

Além disso, esses sistemas contribuem para ampliar a fertilidade do solo. “As folhas que caem no chão contribuem para a recomposição do solo com matéria orgânica. As folhas dão cobertura à terra e protegem as nascentes, pois o solo fica mais poroso, o que permite a infiltração de água. Potencializa e restaura o ciclo hidrológico”, explicou César. Ele também disse que sem cobertura florestal e matéria orgânica, o solo perde nutrientes e as plantas não regeneram naturalmente.

 
O pesquisador destacou que as florestas contribuem para a preservação da fauna e da flora na propriedade rural. “Elas permitem que os animais encontrem abrigo. Assim, os pássaros podem dispersar sementes que trazem da mata para recompor naturalmente as áreas”, afirmou.

 
Incentivos governamentais
 
Os SAFs estão incluídos em uma das seis modalidades do Programa Reflorestar, do Governo do Estado. De acordo com o coordenador do Programa, Marcos Sossai, da Secretaria de Estado do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Seama), plantar florestas tem o mesmo custo de plantar uma lavoura. “Por isso, o Governo do Estado incentiva o produtor a ampliar a cobertura florestal em sua propriedade pelo Programa Reflorestar, que oferece um aporte de recursos conforme cada modalidade”, afirmou.

 
O Programa Reflorestar faz uso de seis modalidades de conservação, recuperação e sistemas de uso amigável do solo. Confira:

 
- Conservação de floresta em pé: propriedades que já possuem área de cobertura florestal nativa preservada serão estimuladas, via pagamento direto aos proprietários, a manter tal área através da conservação das mesmas.

 
- Regeneração Natural: consiste no isolamento e eliminação do fator de degradação em uma determinada área (cultivo agrícola, pasto, etc.), para que sua vegetação seja reconstituída de forma natural.

 
- Recuperação com Plantio: consiste no plantio de mudas de espécies nativas da Mata Atlântica em áreas degradadas com o objetivo de recuperar as funções ecossistêmicas do local;

 
- Sistemas Agroflorestais: combinam, em um mesmo sistema, espécies lenhosas perenes (árvores, arbustos, palmeiras, etc.) e culturas agrícolas (café, cacau, cupuaçu, etc.). Portanto, compreendem produção e conservação dos recursos naturais. Além da diversificação da produção, e consequente distribuição do rendimento dos produtores rurais ao longo do ano, Sistemas Agroflorestais auxiliam na conservação dos solos e microbacias;

 
- Sistemas Silvipastoris: combinam, em um mesmo sistema, árvores e pastagens. O sistema silvipastoril auxilia na conservação dos solos e microbacias e, por ser multifuncional, possibilita diversificar a produção;

 
- Floresta Manejada: Cultivo de espécies florestais destinadas ao manejo sustentável da área, preservando serviços ambientais relacionados à proteção do solo, da biodiversidade e das águas e gerando renda para o produtor rural.

 
Para saber mais sobre os Sistemas Agroflorestais e o Programa Reflorestar, procure um escritório local do Incaper no seu município.

 

Fonte e foto: Ascom/Incaper

 

 

 

 

 

Comentários Facebook


 

 


Facebook


Twitter


Clima

(28) 3546-3068

radiofmz@radiofmz.com.br

 

Av. Ângelo Altoé, 886 - Ed. Esmig - Sala 01 - Centro - CEP - 29375-000 - Venda Nova do Imigrante (ES)


© 2017 Rádio FMZ. Todos os direitos reservados.